O que é Arduino?

O Arduino é uma plataforma de prototipagem que possibilita o desenvolvimento dos mais diversos projetos robóticos, atuando como um tipo de cérebro eletrônico programável de simplificada utilização, com diversas portas para conexões com módulos e sensores.

Ele é projetado através de um microcontrolador de programação específico com pinos de entrada e de saída digitais e analógicos, além de pinos próprios para alimentação e comunicação diferenciada com protocolo I2C, por exemplo.

O que é Arduino

O que é Arduino?

 

O Arduino fez tanto sucesso após sua criação que em poucos anos ficou conhecido em escolas e universidades em todas as partes do mundo, virado uma febre mundial de baixo custo e de extrema funcionalidade.

Vale destacar que o desde sua criação foi implementado como open source, ou seja, possui com conceito de hardware livre, o que na prática significa que pode ser modificado e melhorado dos mais diversos modos.

Em resumo, o Arduino é uma plataforma eletrônica de prototipagem open-source e hardware livre muito fácil de ser empregada e utilizada. Foi projetado através de um microcontrolador de programação específico dotado de pinos de entrada e saída de energia e sinal que pode ser facilmente aplicada nos mais diversificados projetos eletrônicos e elétricos.

 

Quem inventou o Arduino?

O Arduino foi inventado por Massimo Banzi, o co-fundador da plataforma de prototipagem, em conjunto com mais 4 pesquisadores: David Mellis, Gianluca Martino, Tom Igoe e David Cuartielles no ano de 2005.

Nesta época, o professor de eletrônica e programação Massimo queria ensinar aos seus alunos do curso de design noções básicas de eletrônica e programação com o intuito de estimular o desenvolvimento de projetos de robótica, interatividade e arte, porém logo se deparou com um problema, não existiam placas em preço acessível e muito menos com esquemas simplificados para alunos que recém estariam entrando nesta área.

 

Massimo Banzi Inventor do Arduino

Massimo Banzi co-fundador do Arduino

 

Desde o inicio do desenvolvimento do projeto o principal objetivo dos fundadores ela criar um dispositivo eletrônico barato, com grande funcionalidade e ao mesmo tempo pudesse ser de fácil programação.

Assim em muito se explica o grande sucesso que o arduino alcançou, aparecendo em projetos robóticos de baixa, média e alta complexidade, permitindo a integração com módulos eletrônicos e sensores dos mais diversos tipos.

Alguns estudiosos da área dizem que o microcontrolador recebeu o nome Arduino em homenagem ao rei Arduin, que governou a região norte da Itália no ano de 1002, e era uma figura marcante. Massimo ainda mantinha um bar na cidade de Ivre, chamado Bar di Re Arduino, já em inspiração ao rei.

 

Como funciona o Arduino?

O Arduino funciona a partir de códigos de programação, onde pode ser livremente destinado a diversos tipos de funções, podendo comandar desde sensores eletrônicos até módulos de alta complexidade.

A programação é feita por meio do programa IDE Arduino, o qual pode ser baixado diretamente no site oficial arduino.cc, além disso, a conexão com o computador é feita via cabo usb, permitindo que os comandos definidos no programa sejam devidamente transferidos até a placa.

Após gravar os códigos de acordo com os sensores escolhidos, ele poder ser instalado em locais aleatórios com o uso de fontes para alimentação ou mesmo baterias se precisar ficar em local isolado.

Importa mencionar que a conexão com os sensores pode ser feita diretamente em suas portas de comunicação com o uso de jumpers ou em placas de ensaio, conhecidas como protoboards.

Como funciona um Arduino?

Pinagem do Arduino Uno

 

Tanto hardware quanto software foram desenvolvidos com o intuito de auxiliar designers, hobista, hackers, artistas, novatos e qualquer pessoa interessada em criar equipamentos e ambientes interativos, podendo o Arduino interagir com sensores, motores, câmeras, shields e a maior quantidade de componentes eletrônicos conhecidos.

O Arduino Uno é o modelo mais conhecido, possuindo ao todo 13 portas digitais , 6 portas analógicas, 3 portas GND, uma porta de 5V e uma porta 3,3V, além dos demais pinos de configuração e alimentação.

Dentre os pinos digitais do Arduino, vale lembrar que existem alguns pinos que se diferem dos demais por possuírem características próprias como o caso dos pinos PWM que possuem um “~” antes do número e possuem a capacidade de variar o sinal de saída para controlar motores, por exemplo, e ainda os pinos 0 (RX) e 1(TX) que são pinos de comunicação.

Quanto a alimentação, ela pode ser realizada através da porta USB, havendo possibilidade do programador optar por utilizar uma fonte externa com conexão direta no jack p4 do Arduino.

 

Como programar um Arduino?

A programação do Arduino é feita via software no computador ou diretamente em um celular android, em todo caso, o programa precisa ser baixado do site do fabricante e instalado diretamente na máquina.

Após isso, é preciso conectar a placa com o cabo usb, que via de regra acompanha, e selecionar a placa desejada, em seguida será preciso fazer o upload de um código já pronto ou criar um do zero em linguagem C.

 

Como programar um Arduino

Programação do Arduino via Computador

 

A programação em C trata-se de uma linguagem de uso geral que é ensinada em cursos técnicos e superiores de tecnologia da informação. Em todo caso, por se tratar de método simples, pode ser facilmente aprendida com leituta de livros e artigos disponíveis na Internet.

Programar deixou de ser considerado um “bicho de sete cabeças” e se tornou um meio de ensinar, um meio de desafiar nossos próprios limites e principalmente se tornou uma experiência divertida que contagia cada vez mais adultos e crianças independentemente de sua idade, dos mais simples projetos até mesmo os mais complexos esquemas de programação.

 

Quanto custa um Arduino?

O Arduino custa entre R$15,00 e 220,00 Reais em média, não apresenta um valor exatamente definido, pois ele trata-se de um tipo de microcontrolador que se divide em muitos modelos, desde os modelos pequenos mais simples e fáceis de utilizar aos modelos mais completos com diversas funções extras.

 

Quanto custa um Arduino

Quanto custa um Arduino

 

Os modelos mais conhecidos são Arduino Uno R3, Arduino Mega2560, Arduino Nano, Arduino Micro e Arduino DUE. Ele possui muitas varrições por se tratar de um projeto open source, o que pode vir a baixar ou aumentar os preços mencionados anteriormente.

Não quer dizer que você vai precisa de um microcontrolador caro para ter as funções especiais, pois com um simples, como o UNO, você poderá instalar muitos módulos extras que podem até passar as funcionalidades do modelo mais completo, tudo vai depender do tipo de projeto que pretende desenvolver.

 

O que fazer com Arduino?

Com o Arduino podem ser criados muitos projetos eletrônicos, incluindo carrinhos e braços robóticos, robôs de batalha, robôs seguidores de linha, projetos de automação residencial e muito mais.

Para quem está começando e ainda tem dúvidas quanto à qual o melhor Arduino para iniciar, deve ter em mente que o Arduino UNO é atualmente a placa “padrão” no mercado e provavelmente a melhor escolha para quem está começando a trabalhar com esta linha de controladores.

 

Projetos com Arduino

Ideias de Projetos com Arduino

 

Alguma vez você já se deparou com uma luz se ascendendo com sua simples presença, com o bater de palmas ou com a variação da luz ambiente? Quem sabe você já tenha visto carrinhos que sigam uma linha, que desviam de obstáculos, que recebem comandos através de celulares, estes são dois dos principais movimentos eletrônicos que envolvem Arduino, a Automação Residencial e a Robótica.

Através do Arduino UNO é possível desenvolver uma grande gama de objetos interativos e ambientes autônomos, bastando realizar a montagem física de seu projeto, conectar o Arduino junto ao computador e através de uma plataforma específica disponível para download no link abaixo realizar o processo de gravação do código fonte.

 

E agora por onde começar?

Depois de conhecer um pouco mais sobre esse incrível placa no post “O que é Arduino?”, basta escolher um modelo e começar os estudos, com a certeza que vai ser surpreendido com a quantidade de coisas que podem ser automatizadas em sua casa e melhorado seus projetos, sejam em feiras de ciências ou competições robóticas.

No site da UsinaInfo é possível encontrar toda linha de produtos Arduino e acessórios para começar a por em prática toda a teoria que aprender. Além disso, aqui mesmo em nosso blog existem diversos posts de projetos com tutorial passo a passo.

Compartilhe com a gente suas dúvidas, experiências desenvolvidas. Compartilhe o conteúdo e marque seus amigos, tragam eles para esse mundo robótico que não para de crescer.

Categorias
Arduino

Entusiasta em Sistemas Eletrônicos Embarcados. Gestor de Marketing Digital. Bacharel em Ciências Sociais Aplicadas / Direito – URI.
2 Número de Comentários
  • AUTOMAÇÃO RESIDENCIAL ARDUINO: IDEIAS PARA DEIXAR SUA CASA IGUAL A DO HOMEM DE FERRO! – Blog da Usinainfo
    5 abril 2017 at 12:17
    Deixe seu Comentário

    […] O QUE É ARDUINO? DE ONDE VEM? DO QUE SE… […]

  • BobbuBrowne
    29 abril 2017 at 20:36
    Deixe seu Comentário

    Hello! Cool post, amazing!!!

  • Deixe seu Comentário

    *

    *

    Sobre nós

    Hoje a Usinainfo é um dos maiores ecommerces de Ferramentas, Peças para Eletrônica, Componentes Eletrônicos, Sensores e Arduino do Brasil, contando com uma grande diversidade de produtos na linha de eletrônica.

    Sugestões

    Artigos Relacionados