0 iconCarrinho (0)

Carrinho  

Nenhum produto

Total R$ 0,00

Finalizar Carrinho

Categorias

Receber Novidades e Promoções

Depoimentos

  • Já realizei várias compras e sempre com a mesma rapidez no atendimento e prazo. Adquiri recentemente a Cuba Ultrassônica e chegou em perfeito estado e no prazo previsto. Recomendo a todos. Ótimo produto, ótima empresa, ótima aquisição. Parabéns.
    Roberto Kunieda, São Paulo / SP
  • Muito bom, entrega no prazo e chegou em bom estado.
    Marcos, São Paulo
Deixe o seu depoimento e veja outros

Pulseira Antiestática

6 produtos

Pulseiras Antiestáticas

Como todos sabem, as pessoas de um modo geral, acumulam grandes cargas de energia estática sobre seu corpo, durante o dia. O corpo humano é um potencial acumulador de energia estática e esta energia pode ser gerada das mais diferentes formas, como simplesmente movimentar-se, retirar um casaco de lã (atrito), dentre outros.


Energia estática

O ser humano é capaz de armazenar uma enorme quantidade de energia estática sobre seu corpo, uma grande quantidade mesmo, chegando a passar dos milhares de volts, inclusive. Quando se está manuseando componentes eletrônicos, como circuitos impressos, placas-mãe, processadores, pentes de memória RAM, a carga de energia estática acumulada, pode, repentinamente, ser descarregada sobre eles, causando-lhes danos e possivelmente sua  queima.

A energia estática é um dos maiores perigos quando se trabalha com componentes eletrônicos, isto pois, menos de 1 volt já é suficiente para queimar o mesmo. Na maioria das vezes o componente não é inutilizado logo no primeiro contato com a estática, ele pode ainda funcionar por alguns dias já que o dano é microscópico. Além disso, depois de completamente queimado a maioria dos componentes não tem chance de ser reparado e os danos são permanentes.

Sinal de alerta contra descargas de energia estática

Tamanha é a importância da proteção e dos equipamentos de proteção anti-estáticos ESD. Os equipamentos de proteção antiestática são extremamente recomendados e eficientes, desde que utilizados de maneira correta, conforme indicação.

 

Pulseira antiestática com cabo para aterramento:

Um dos equipamentos de proteção antiestática mais utilizados por profissionais e técnicos da área da eletrônica e informática, é a pulseira antiestática. A pulseira em si, é desenvolvida com elástico para melhor se amoldar ao braço do usuário e conta com filamentos condutivos, que servem para levar a energia estática do usuário para o sistema de aterramento.

Pulseira antiestática com cabo para aterramento

Na parte interna da pulseira, pode ser encontrado um elemento metálico que fica em contato direto com o corpo do usuário, interligado a uma resistividade que limita a circulação de corrente, protegendo o usuário, caso o mesmo venha a tocar em alguma parte energizada. Este elemento metálico tem a mesma função de condução dos filamentos que compõe a pulseira, uma vez que o mesmo estando em completo contato com o corpo do usuário, garante a condução da energia estática pelo aterramento.

Pulseira antiestática - Filamentos e parte metálica

Outra parte de tanta importância quanto a pulseira, é sem dúvida, seu cabo para aterramento, uma vez que o mesmo é responsável pelo descarregamento da energia estática acumulada sobre o corpo do usuário. Sua utilização é imprescindível nas pulseiras anti-estáticas que são acompanhadas pelo mesmo, pois é a partir dele que o usuário será totalmente isentado de acúmulos de energia estática. Como seu cabo é espiralado, o usuário não tem o problema de ficar preso a um curto espaço de atuação. Porém, para seu completo e eficiente funcionamento, devem ser observados alguns requisitos.

Muitos técnicos e profissionais da informática indicam a utilização da pulseira anti-estática, sendo diretamente ligada ao gabinete do equipamento em manutenção (computador). Por um lado, esta pode ser uma maneira de eliminar a energia estática do corpo do usuário, porém, para que a pulseira funcione como o esperado, o equipamento (computador) deve estar conectado à uma tomada que possua, em funcionamento, o terminal de aterramento. De outra forma, se o equipamento não estiver aterrado de maneira correta e a pulseira for conectada ao seu gabinete, esta conexão se tornará um potencial acumulador de energia, sendo descarregado totalmente assim que o usuário tocar em algum componente frágil, ocasionando sua eminente queima.

Pulseira antiestática conectada diretamente ao gabinete do computador

 Portanto, ao conectar sua pulseira anti-estática, faça da maneira correta procurando um ponto de aterramento em pleno funcionamento. O cabo possui um clip (presilha) tipo jacaré, ideal para conectá-lo a qualquer tipo de aterramento. Nunca utilize um simples fio como aterramento, pois o mesmo, não fornecerá a mesma segurança que uma pulseira anti-estática, a qual conta com um resistor para evitar possíveis choques.

 

 

Pulseira antiestática sem fio

Muitas pessoas têm dúvidas quanto ao funcionamento e a real eficácia de uma pulseira anti-estática sem fio. O principio de funcionamento é praticamente o mesmo do utilizado nas  calcanheiras antiestáticas e é realizado através de contatos aleatórios no sistema de aterramento.

Pulseira antiestática sem fio

 Podem ser observadas pulseiras anti-estáticas sem fio, sendo comercializadas, com uma descrição indicando que a mesma dissipa a energia estática na própria pulseira. Isto é uma grande bobagem, pois internamente ao corpo da pulseira não existe nenhum dispositivo com essa função.

A pulseira anti-estática sem fio ou pulseira wireless como também é conhecida, possui internamente um resistor, onde este é conectado entre a pulseira e um parafuso externo localizado na lateral da pulseira. O resistor tem a função de garantir segurança ao usuário, uma vez que impede a circulação de corrente e em caso de contato direto com a energia, o resistor serve de segurança para que o corpo não sofra um choque elétrico.

 

Pulseira antiestática sem fio - no detalhe resistor interno de segurança

A descarga da energia estática acumulada ao corpo do usuário é dada através de um parafuso localizado na parte superior da pulseira. Este parafuso deve ser colocado em contato com um sistema de aterramento, a fim de garantir a descarga ESD


Como a lógica da pulseira anti-estática sem fio é garantir mobilidade então, a mesma deve ser usada em contato com o pulso do usuário e este deve constantemente realizar o contato dela com um ponto de aterramento, garantindo com isso que sua energia estática seja dissipada.

 

Comparação entre pulseiras antiestáticas - com e sem fio de aterramento

Com relação à eficiência desse sistema, com certeza não se pode comparar com uma pulseira onde a mesma fica constantemente conectada ao aterramento, mas se sua utilização for correta, o usuário pode estar usando um equipamento com bons resultados.

Devido a não comprovação de sua eficácia contra ESD, a pulseira anti-estática sem fio é indicada apenas em casos onde não seja possível o uso do modelo com fio.